Whatsapp (21)98841-8442 contato@editao.com

Oi! Eu sou Hay Arruda. Comecei a praticar artes marciais aos 7 anos. Comecei no Judô, depois Capoeira, Karatê… Apaixonei-me pelo Kung Fu nos anos 80 e comecei a praticá-lo, não só pelo aspecto marcial, mas também pela filosofia e benefícios psicofísicos que podem ser alcançados  fora do ginásio e ao ar livre. Tive o privilégio de ser aceito como discípulo privado, de “Porta Fechada”, pelo Grão-Mestre Dr. Wu Chao-hsiang, um dos honoráveis introdutores do Taijiquan e outros estilos de artes marciais chinesas no Rio de Janeiro.

Graduado em Educação Física, pós-graduado em Saúde Mental e mestre em Ensino de Ciências da Saúde e do Ambiente, dediquei-me ao ensino, às terapias, notadamente Shiatsu e Acupuntura, e ao estudo das artes, filosofia e religião taoistas.

Nos anos 1990 fundamos a Tao Te Tang, que vem me proporcionando esses anos todos o encontro com pessoas extraordinárias como Você!

Bem-vindo a nossa Casa

Nossa Escola, ou nossa Casa (Táng, 堂), Família, no dizer da Tradição, denomina-se Casa do Caminho (Dáo, Princípio) e da Virtude, (Dé, Ética): Tao Te Táng. Os ideogramas Tao (Dáo, 道) e Te (Dé, 徳) são ricos de significâncias e em significados. Mas como pensar Caminho na perspectiva da Cura e do Combate? Primeiramente, podemos concebê-lo como algo que está ali, firme, pronto para nossos pés avançarem em determinada direção. Seria um começo, um primeiro passo. Porém, da mesma maneira que quando navegamos a linha do horizonte se torna cada vez mais adiante, quando começamos a caminhar, nosso olhar amplia e o coração absorve novas realidades. A caminhada vai desenhando o caminho, ao longo do caminhar. É quando o passo vira passeio. Nesta variância, ora yin, ora yang, ora direita à frente, ora atrás, ora peso sobre a perna, ora pé solto no espaço, é que o Caminho percorre a gente e tempo e espaço comungam o mesmo rumo. Chama-se isso de presente. Caminho é também Caminhante e vive-versa. Neste ponto é tempo de criar espaços. Os passos viram versos e o Caminho, poesia. Assim, dizemos que Tao pode ser Caminho, Caminhada e Caminhante e muito mais. Como disse o poeta: “Caminhante, não há Caminho. O Caminho se faz ao Caminhar”. Caminhemos… 

Fechar Menu